Aprenda como montar um escritório de arquitetura

4bricks     12/02/2016       

O sucesso de um escritório de arquitetura é resultado de trabalho duro, talento e paciência, afinal é necessário muito planejamento para vencer a burocracia e receber o reconhecimento profissional desejado.

Para facilitar os primeiros passos de quem pretende montar um escritório de arquitetura, criamos um passo a passo a ser percorrido para garantir uma bem-sucedida e longa vida ao empreendimento. Confira!

APRENDA COMO MONTAR UM ESCRITÓRIO DE ARQUITETURA

Faça o registro do nome de seu escritório

Fez uma lista de possíveis nomes para o seu escritório de arquitetura? Ótimo! Acesse o Instituto Nacional da Propriedade Industrial, o INPI, e verifique se o nome que você escolheu não está sendo utilizado por outro escritório ou empresa na parte de buscas do INPI. Se estiver tudo certo, o próximo passo é fazer o registro desse nome na própria página do Instituto. A tabela de preços pode ser conferida aqui.

Defina a localização

Pretende trabalhar em casa? Pense se você dispõe de um espaço para receber os clientes. Quem não tem espaço disponível para montar o escritório de arquitetura em casa ou conta com uma equipe maior deve pensar que, no início, menos é mais. Comece em um espaço que seja minimamente confortável para a equipe e para receber os clientes. Procure uma melhor localização quando o escritório tiver maior carga de trabalho, e saiba organizá-lo bem.

Contrate um contador

Se para a escolha do espaço físico do escritório é recomendado contenção, na hora de procurar o contador o conselho é o contrário. Vale gastar um pouco mais nesse momento de criação do escritório do que pagar caro pela economia mais tarde. O serviço de assessoria prestado pelo contador vai ajudá-lo com os trâmites de abertura do escritório, com o tipo de tributação mais adequado e com as obrigações fiscais junto à Receita Federal, além de coletar informações para a criação do seu plano de negócios.

Autônomo ou sócio: defina o que é melhor para montar seu escritório
Não se trata apenas de decidir trabalhar sozinho ou em sociedade. Como autônomo, você fará um registro profissional na prefeitura de seu município para o recebimento do Cadastro de Contribuinte Mobiliário, o CCM.

No caso de sociedade, o escritório de arquitetura pode ter dois contratos sociais: sociedade civil de uniprofissionais, quando reunir somente arquitetos; ou sociedade civil de profissão regulamentada, quando, por exemplo, um arquiteto e um engenheiro assumem em conjunto o escritório. O contrato social é elaborado por um advogado ou contador, e nele deve conter o nome do escritório de arquitetura, o objetivo e a descrição do tipo de sociedade.

Legalize seu escritório de arquitetura

Procure o Conselho de Arquitetura e Urbanismo (CAU) de seu estado e peça a validação do seu escritório. Feito isso, com os documentos pessoais e o contrato social em mãos, procure o Cartório de Pessoas Jurídicas ou a Junta Comercial do Estado para obter o Número de Inscrição de Registro de Empresas (NIRE). Esse documento é a “certidão de nascimento” do seu escritório de arquitetura. Com ele em mãos, é hora de solicitar o Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas (CNPJ), no site da Receita Federal.

Por último, registre seu escritório de arquitetura na Prefeitura de sua cidade. É ela que vai liberar seu alvará de funcionamento.

Seguindo esse passo a passo, você vai aguardar uma média de 50 dias do registro do nome à inauguração. Para aprender a gerir seu escritório, confira nosso post sobre o assunto.

Gostou do guia para montar o seu escritório de arquitetura? Assine nossa newsletter e fique por dentro das novidades da 4bricks!

Compartilhe isso