Administração de obras: como evitar atrasos nas obras

4bricks     15/04/2016       

A tarefa de administração de obras inclui fatores como cuidar do orçamento, da qualidade final da obra e também do prazo de entrega. Dependendo do caso, os atrasos podem significar multas, problemas de relacionamento com o cliente e sempre derrubam a eficiência de toda a equipe. Porém, com a atuação correta os riscos de um atraso ocorrem podem ser diminuídos a patamares próximos do zero. Saiba como conseguir isso a seguir com dicas para evitar atrasos nas obras.

Administração de obras: como evitar atrasos nas obras

Tenha uma boa definição de projeto

Obras entregues em dia exigem um bom planejamento e por isso é preciso criar um projeto bem definido. Para fazer isso, é preciso identificar todas as etapas que serão necessárias para a construção e estimar um tempo de realização para cada uma delas de acordo com o prazo do projeto.

É preciso fazer uma definição realística e bem estruturada da obra em si: não adianta estabelecer a conclusão da fundação em 10 dias se não houver real capacidade para isso, por exemplo. Do mesmo modo, não adianta focar todos os esforços em só uma etapa por vez se é possível realizar múltiplas tarefas para levar a uma conclusão mais rápida.

Assim, estabeleça como vai ser o fluxo de trabalho, os responsáveis por cada etapa, como será feita a medição dos resultados e qual o cronograma para cada etapa.

Estruture a logística de materiais

No começo da obra, não adianta ter os materiais de acabamento se não tiver os materiais básicos, concorda? Por isso, é preciso definir uma sequencia de materiais necessários para cada fase da obra, e estruturar a logística de materiais para não perder tempo no canteiro.

Garantir que esteja tudo a mão no momento em que o seu uso for necessário é uma forma de evitar os temidos atrasos da obra, já que não vai ser necessário reconhecer a necessidade para só então fazer o pedido e, aí sim, poder dar continuidade à obra.

Fazer com que os fornecedores cumpram com seus prazos e que materiais e maquinários estejam disponíveis faz parte da organização logística em busca de economia de tempo.

Conte com mão de obra qualificada

Ter mão de obra qualificada em sua obra evita atrasos por um simples motivo: maiores são as chances de que as tarefas sejam realizadas da maneira correta logo de primeira. Graças à qualificação da mão de obra, portanto, a obra precisa ficar menos tempo parada devido a múltiplas conferências, retrabalho ou mesmo correções de erros que atrasam todo o processo.

Busque referências com amigos e outros profissionais da área. Visite trabalhos anteriores de um profissional para conhecer a qualidade de cada serviços. Converse com clientes anteriores para saber detalhes sobre o perfil e a responsabilidade de cada profissional.

Uma mão de obra qualificada também tende a ser mais produtiva porque tem as técnicas ideais para realizar as tarefas exigidas. Assim, abre-se menos espaço para imprevistos decorrentes de uma parede mal finalizada ou de uma estrutura que não foi feita da forma correta, por exemplo.

Tenha uma atuação dinâmica

Ainda assim, imprevistos acontecem. Pode ser que chova, um fornecedor pode acabar deixando a obra na mão ou a construção pode apresentar um problema que não foi identificado no projeto.

Se esses problemas não forem identificados e corrigidos rapidamente, quem vai sofrer é o cronograma e tudo vai terminar em atraso de obras. Por isso, é indispensável ter uma atuação dinâmica ao fazer conferências do andamento do projeto e identificar o realizado em relação ao planejado. Conferir e comunicar os prazos junto com toda a equipe pode ser facilitado pelo uso de softwares especializados.

Se algo parecer fora do plano ou se estiver levando tempo demais, é importante agir para identificar e corrigir a causa do problema e evitar que os atrasos aconteçam.

Para gerenciar o tempo e evitar que ocorram atrasos na obra, a administração precisa primeiro partir de um projeto bem definido e de uma logística estruturada. Contratar mão de obra qualificada também faz a diferença e manter uma atuação dinâmica garante que os problemas sejam corrigidos antes que eles resultem em atrasos incorrigíveis.

Como você faz a administração de obras? Conte nos comentários e participe.

 

Compartilhe isso